Projetos e financiadores

Ponto de Cultura Calabar

Projeto aprovado pelo edital Pontos de Cultura da Bahia, mas só iniciado em 2016.
 Contempla no primeiro ano ações de 3 instituições, as quais iniciaram parceria em 2013, que são: Associação Ideologia Calabar/Biblioteca, Grupo de Mulheres do Calabar e Isô Produções/Ballet Absolut.
Na Biblioteca o Projeto fortalece as ações do Projeto Lendo e Aprendendo, na Isô fortalece os eventos culturais já realizados anualmente e as aulas de dança, dentro do projeto as aulas de dança aconteceram na Biblioteca e serão dança afro-brasileira, já no Grupo de Mulheres fortalece as ações de formação e empoderamento feminino também já realizados pelo grupo.
O interessante é que todas as ações serão transversais, ou seja, os públicos de todos os grupos irão experimentar o conhecimento do outro. Essa interação é a chave principal do projeto.
No segundo ano teremos a participação do Grupo de Capoeira Calabar com oficinas de confecção de berimbau e aulas de capoeira, tanto teórica como prática.
No terceiro ano, teremos além de todos os já citados, aulas de violão.

Apoio Técnico e financeiro: Secretaria de Cultural da Bahia (SECULT) e Ministério da Cultura (MINC), Governo do Estado da Bahia e Governo Federal.
Projeto estava previsto para começar em maio de 2014, mas ainda não foi assinado convênio, porém as ações continuam sendo realizadas, sem o nome Ponto de Cultura Calabar.


Projeto Formação de Leitores no Calabar

Projeto iniciado em 2006. Atualmente conta com o patrocínio do Ministério da Cultura por ter sido premiado no edital Todos por um Brasil de Leitores de 2015.

Ações Continuas: (datas e horários alterados, aguardando nova definição)

A Hora do encantamento
Cinoteca
Formações

Ações Pontuais:

Dia da Poesia - 14 de março de 2016
Aniversário da Biblioteca Comunitária do Calabar - 22 de abril 2016
Dia do Escritor - 25 de julho de 2016
Semana Nacional do Livro e da Leitura - 12 a 14 de outubro
Semana da Consciência negra - 20 a 23 de novembro
Dia do Palhaço e Declaração Universal dos Direitos Humanos


Nenhum comentário: